IFMG em Santa Luzia

22/04/2013

Instituição irá funcionar no CAIC Londrina

 

Com o objetivo de proporcionar ao cidadão luziense, uma melhor condição de preparar-se para a vida e para o mercado de trabalho, a atual administração tem buscado parcerias com órgãos e entidades da área de educação.

Como prova desse esforço contínuo, o prefeito de Santa Luzia, Carlos Calixto, em solenidade realizada na noite do último dia 18, entregou ao reitor Caio Mário Silva, as futuras instalações do IFMG - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais.

O evento aconteceu no CAIC, no bairro Londrina, local onde funcionará a Instituição.

O IFMG é uma autarquia formada pela incorporação da Escola Agrotécnica Federal de São João Evangelista, dos Cefets de Ouro Preto e Bambuí e das UNEDs de Formiga e Congonhas. A criação do Campus Santa Luiza do IFMG integra o programa de expansão da rede federal de educação profissional e tecnológica. O eixo central deste projeto é equiparar essas instituições de ensino às universidades federais.

O processo seletivo para ingressar no IFMG será o mesmo exigido em uma instituição federal, ou seja, através de vestibular.

%u201CA vinda do IF para Santa Luzia, com certeza vai transformar o perfil socioeconômico da cidade%u201D, disse o reitor Caio Mário Silva. Ainda segundo o reitor o Instituto disponibiliza mais de 60 cursos, divididos entre as modalidades de formação inicial e continuada, ensino técnico, ensino superior e pós-graduação. %u201CPrecisamos de boas escolas técnicas e boas universidades e o Instituo é isso, dois em um. Nosso projeto aqui em Santa Luzia é trabalhar desde a formação inicial até o pós-doutorado%u201D.

Para o prefeito, Carlos Calixto, o momento é de grande alegria e comemoração. %u201CEste é um momento de muita alegria para Santa Luzia. Essa grande novidade que chegou pra nossa cidade, vai beneficiar nossos jovens. O número de formandos será muito grande e as pessoas terão melhores oportunidades de emprego. Agradeço a todos que nos ajudaram, em especial ao reitor Caio e ao Deputado Reginaldo Lopes. Sem eles nada teria acontecido.

Calixto também destacou a importância de estabelecer parcerias a fim de promover melhor qualidade de vida ao povo luziense. %u201CSão ações como essa que nos engrandece porque conseguimos oferecer um futuro melhor para nossos jovens%u201D.

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Minas Gerais (IFMG) é composto por doze campi: Bambuí, Betim, Congonhas, Formiga,Governador Valadares, Ibirité, Ouro Branco, Ouro Preto, Ribeirão das Neves, Sabará, Santa Luzia (em implantação) e São João Evangelista, além das unidades conveniadas de Pompéu, Piumhi, Oliveira, Bom Despacho, João Monlevade.

Hoje, o Instituto possui aproximadamente oito mil alunos matriculados nas unidades distribuídas em Minas Gerais.

De acordo com o reitor Caio Silva a previsão é que em janeiro de 2014 o IFMG já esteja funcionando na cidade.

Ouça as entrevistas.